JULIANA E DOM JORGE

Versão 03 - SP

 

1-O que tu tens, ó Juliana,

Que estás tão triste a chorar/

-Mamãe, eu soube notícias,

Que D.Jorge vai se casar.

 

2-Eu bem te disse, ó Juliana,

Não quiseste acreditar,

Que D.Jorge amava outra

E vinha só pra te enganar.

 

3-Juro por Deus, minha mãe,

De D.Jorge hei de me vingar,

Ele não casa comigo

Nem com outra há de se casar.

 

4-Mamãe, lá vem D.Jorge

Montado no seu cavalinho,

Com seu cinto de prata,

Apertando seu corpinho.

 

5-Boa tarde, ó Juliana!

-Boa tarde, ó D. Jorge!

-O que você tem, ó Juliana

Que está tão triste a chorar?

 

6-Se é verdade, D. Jorge,

Que você vai se casar?

-É verdade, sim, Juliana

Eu vim pra te convidar.

 

7-Com licença, D. Jorge,

Até subir no sobrado,

Buscar um cálice de vinho,

Saúde do teu noivado.

 

8-Ó Juliana, ó Juliana,

O que puseste no vinho?

Desde a hora que eu tomei,

Não enxerguei o caminho.

 

9-O vinho que tu me destes,

O que foi que pôs na mistura,

Que quero ir-me embora,

Que está me dando tontura.

 

10-O gosto que eu tenho,

Daqui você vai sair,

Direito pra sepultura,

Direito pra sepultura.

 

11-A minha mãe pensava

De ter seu filho vivo,

-A minha também pensava

Que você casava comigo.

 

12-O sino da matriz bateu,

Quem será que morreu?

-O meu querido Jorge,

Que a morte ele mereceu.